Browsing Category:

México

  • México

    Roteiro de 15 dias na Riviera Maya

    Com a chegada da vacina nos países ricos (e a falta dela aqui no Brasil), decidimos que seria interessante viajar para os Estados Unidos para acelerar em alguns meses a nossa imunização (nessa época ainda se cogitava que nossa faixa etária só chegaria em 2022). Com as regras sanitárias dos EUA, a melhor forma de chegar lá seria passando 15 dias no México, país que já havíamos visitado duas vezes antes, mas que é tão grande e tem tantas belezas que ainda havia muito para conhecer, e duas semanas não seria o suficiente nem para uma pequena parte. Então escolhemos a Península de Yucatan, local onde fica Cancun e as belíssimas praias e cenotes do caribe mexicano. Montamos pra vocês um roteiro de 15 dias na Riviera Maya baseados na nossa experiência em Junho de 2021 e principalmente corrigido pelos nossos erros e acertos.

    Cancún – A cidade dos grandes resorts

    A primeira coisa que percebemos quando chegamos no litoral mexicano é a questão do acesso às praias. Enquanto no Brasil conseguimos visitar qualquer praia normalmente, no México há uma divisão entre praias públicas e privadas. Elas não são realmente privadas, já que a lei é parecida com aqui e ninguém é dono de uma praia, mas os grandes resorts são os donos dos terrenos em frente às praias, e eles não permitem a passagem para chegar até elas, o que na prática ás torna praias privadas. Se você é daqueles que aproveita a praia do nascer ao pôr do sol, sugiro pegar um hotel all inclusive na zona hoteleira, com uma praia exclusiva e aproveitar seus dias ali!

    Já se você é daqueles que prefere visitar praias diferentes em uma mesma viagem, vai ser bem mais econômico pegar um hotel no centro da cidade. Nos hospedamos no Íbis Centro Cancun, que fica bem próximo do ponto de ônibus e rodoviária, e do outro lado da rua do Shopping Plaza das Américas. Você pode pegar os ônibus R1 e R2 que fazem o caminho completo pelos 14km da avenida dos hotéis e conhecer as praias públicas mais famosas da cidade, a Playa Delfines (onde ficam as letras coloridas da cidade) e a praia Langosta (ela tem um bar com bungee jump pros mais animados).

    Dois dias são mais do que suficientes para conhecer as duas praias, visitar a região hoteleira (e até pegar uma balada na agitada CocoBongo) e fazer compras no Mercado 28, principal centro de artesanatos, e nos Shoppings Plaza das Americas e La Isla (esse tem uma roda gigante com vista pro mar e um museu da tequila).

    Isla Mujeres – Tão próxima de Cancún, mas completamente diferente

    Se vocês são como eu não vão gostar tanto de Cancun, uma cidade feita pra quem ou fica em grandes resorts ou tem um carro pra andar livremente entre os pontos. Foi assim que me encantei por Isla Mujeres e um roteiro na riviera maya precisa incluir uma parada nesta ilha. Apesar de ser possível caminhar de uma ponta a outra, minha sugestão é alugar um carrinho de golf (custa 40 dólares por dia para até 4 pessoas). O melhor aqui seriam mais dois dias divididos entre a ponta norte e ponta sul, onde estão localizadas as melhores praias do lugar. As águas de tom azul turquesa são impressionantes! E tudo isso fica a apenas um ferry de 25 minutos de distância de Cancun.

    Ainda há atrações com o Parque Garrafon, com esportes radicais, a Tortugranja, um santuário para cuidados de tartarugas presas em redes de pesca, a Capela de Guadalupe, igreja que tem a parede de trás toda de vidro e você pode ver as ondas atrás do padre. Fazer um snorkel no maior museu subaquático do mundo, o Musa, também é um ótimo passeio. Vale a pena visitar as ruínas de Ixchel na ponta sul! Esse era um templo dedicado a deusa da fertilidade dos Maias, portanto toda mulher deveria ir até ele pelo menos uma vez na vida para ter filhos. Daí vem o nome “Ilha das Mulheres”.

    Playa del Carmen e Cozumel – mar azul, parques temáticos e avenida movimentada

    Apesar dos passeios para os parques temáticos Xcaret e Xel Há serem amplamente vendidos em Cancún, se interessa a vocês aproveitarem o máximo é melhor se hospedarem em Playa del Carmen. Os parques ficam a 5 minutos daqui e tem transfer várias vezes por dia pra levar até lá. E a lista de parques do grupo Xcaret não para de crescer, incluindo o Xsenses e o Xplor.

    Daqui de Playa del Carmen sai um ferry até a Ilha de Cozumel, talvez a mais conhecida na Riviera Maya mexicana. Fizemos um passeio em um barco de fundo transparente em 3 pontos de snorkel, incluindo o El Cielo, que tem esse nome pelas centenas de estrelas do mar a cerca de 3 metros de profundidade. Já imaginou um mar azul que de uma vez você consegue ver 15 estrelas? Parece um céu desenhado por uma criança.

    E para completar a estadia em Playa del Carmen, um passeio na Quinta Avenida, que felizmente de avenida não tem nada! É um calçadão somente para pedestres onde ficam várias pequenas pousadas, muitos restaurantes, lojinhas e quiosques de vendas de passeio. Dá pra passar vários dias ali que sempre vai encontrar algo diferente.

    Blogagem Coletiva

    Este post faz parte da blogagem coletiva do grupo Crescendo Juntos, cujo tema é “Roteiros pelo Mundo”.
    Veja os posts dos outros participantes, tem muita coisa boa e muitas dicas de lugares para umas boas férias!
    Roteiro de 26 dias na Tailândia – Viajando Com Moises
    Roteiro de 5 dias na Patagônia Chilena – Dani Turismo
    Descobrir Aveiro: roteiro de um dia com o que fazer – Descobrir Viajando
    Roteiro em 15 cidades imperdíveis no interior da Espanha – Turismodeprimeira
    Atrações de Praga em um roteiro de 3 dias – Review de Viagem
    O que Fazer em Cusco (Peru): Roteiro de 5 dias – Mundo Viajante
    Roteiro de 3 dias na Cidade do México – Agarre o Mundo
    O que fazer em Algarve: roteiro de 4 dias no sul de Portugal – ViaJo Caminhando
    Ilhas Cíes: um roteiro inesquecível de apenas 4 dias. – Nazeli Draghi